Aos 24 anos, ela superou Kate Moss com larga vantagem.

Cara Delevingne na première do filme “Valerian e a cidade dos mil planetas’ – CHRIS J RATCLIFFE / AFP

Mesmo afastada das passarelas para se dedicar à carreira de atriz, Cara Delevingne conseguiu ultrapassar o posto que era ocupado pela veterana Kate Moss, e agora é a modelo mais bem paga do Reino Unido.

Conduzido pela BBC, o estudo ainda concluiu que a profissão de modelo é um dos poucos segmentos em que as mulheres ganham mais, com ganhos que superam em 75% os salários dos homens. Dos dez modelos britânicos mais bem pagos, apenas um é homem: David Gandy, com £ 4 milhões por ano.

Faturando £ 8 milhões por ano, Cara Delevingne tem como trunfo não apenas as suas sobrancelhas poderosas, seu cabelo platinado ou sua personalidade irreverente: ela conta com mais de 40 milhões de seguidores no Instagram, o que a faz extremamente atraente para anunciantes e empresas parceiras.

Kate Moss ainda foi superada por outra modelo: a bombshell Rosie Huntington-Whiteley. A ex-angel da Victoria’s Secret arrecada £ 6,5 milhões por ano, o que lhe dá uma vantagem de £ 1,5 milhão frente a Kate. Com 7,6 milhões de seguidores no Instagram, Rosie é outra potência da rede social.

Mas Kate Moss não precisa ficar triste: a irmã mais nova dela, Lottie Moss, acaba de entrar na lista. Aos 19 anos, ela já fatura £ 1,5 milhão por ano.

OS MODELOS BRITÂNICOS MAIS BEM PAGOS:

1. Cara Delevingne: £ 8 millhões

2. Rosie Huntington-Whiteley: £6.5 millhões

3. Kate Moss: £5 millhões

4. David Gandy: £4 millhões

5. Naomi Campbell: £3 millhões

6. Georgia May Jagger: £2.5 millhões

7. Edie Campbell: £2 millhões

8. Jourdan Dunn: £1.75 millhões

9. Erin O’Connor: £1.5 millhões

10. Lottie Moss: £1 millhões

 

Via.

A modelo será a editora convidada da próxima edição de Spring/Summer 2015 (Primavera-Verão 2015) da Love Magazine, que será lançada no dia 9 de fevereiro. Katie Grand, editora-chefe da publicação, que fotografou pela primeira vez Delevingne para a revista em 2009, logo após ter sido enviada pelo padrinho de Cara, Nicholas Coleridge – CEO da Conde Nast U.K – Grand disse que Cara tem provado ser uma periodista ousada e nunca tem medo de peguntar todos os tipos de coisas.

Além disso, afirmou que “Ela tem tido a experiência de estar do outro lado, com perguntas pertinentes e tendo mais controle gerencial”.

A publicação não divulgou detalhes sobre os outros nomes que acompanharão Cara Delevingne na edição, embora saibamos que é para seu retrato como editora convidada tem um olhar de primavera 2015 da coleção Givenchy. Cara confirma o próximo relacionamento que une-o com a Love Magazine – estrelando quatro capas desde abril de 2010 – através desta nova parceria, dentro do qual nós também incluímos Edie Campbell – colaboradora de março de 2014.

Fonte e Reprodução textual: Vogue España





Facebook
Instagram
Parceiros
  • Blake Lively Brasil