A supermodelo britânica atravessou as passarelas para o cinema. Ela fala sobre ‘Cidades de Papel’, John Green e sobre ser Margo Roth Spiegelman.

“Você está pronto para Cara?”

“Sim,” nós dizemos, querendo adicionar, “Quem não está pronta para Cara?”

Mas antes que possamos falar de novo, uma voz familiar vem. “Olá?”

Lá está ela, Cara Delevingne, supermodelo britânica, rainha das sobrancelhas, mestre do Instagram e agora estrela de cinema, no telefone, ligando da Austrália.

“Oi,” ela diz no maior tom de brincadeira que você consegue em uma silaba.

É um dia depois da estréia de ‘Cidades de Papel’ em Sydney. No filme da adaptação do romance de John Green, lançado um ano depois de sucesso inacreditável de ‘A culpa é das Estrelas,’ Cara, 22, perde seu sotaque britânico e faz Margo Roth Spiegelman, a misteriosa rainha adolescente que desaparece depois de uma noite de aventuras com seu amigo de infância, Quentin, por Nat Wolff.

Conseguir Margo não foi fácil.

“Foi uma decisão imensamente complicada. Tivemos que honrar a energia de Margo e encontrar a garota que, quando ela entra na sua janela durante a noite, você pularia dele por ela, e então, quando ela desaparece, você iria conduzir 1200 milhas para encontrá-la”, disse o diretor Jake Schreier.

Mas eles encontraram isso em Cara, quem diz que chorou quando descobriu que tinha conseguido o papel.

“Eu vi ela na sala de audição enquanto ela andava e eu fiquei como ‘Essa é Margo,'” Nat disse a MTV News.

Cara, quem diz que a coisa mais surpreendente sobre filmagem é fazer turnê de imprensa, vem detonando enquanto promove o filme ao redor do mundo – recebendo um pedido de casamento de um fantoche antes de tocar violão e bateria em um programa de televisão na Espanha, pegar chocolate com a boca na Alemanha, empurrando um lápis e dando ao Youtuber Troye Sivan as melhores sobrancelhas na Austrália.

Mas isso não é uma surpresa para seus fãs. Mesmo quando modelo Cara nunca foi uma manequim silenciosa. Ela é divertida, brincalhona, ela é tudo menos tediosa, ela tem uma personalidade que salta para fora das páginas de revista de moda.

E ela tem multi-talentos também. Ela canta, ela toca bateria e violão, ela sabe fazer beatbox, levando várias pessoas a perguntar. “O que essa garota não consegue fazer?”

Mas agora, ela quer que o mundo veja que ela pode atuar, coisa que ela diz ser apaixonada desde sempre. E eles terão várias chances de ver isso. Então depois dessa transição das passarelas para o cinema, Cara já é uma atriz prolífica.

Depois de ‘Cidades de Papel’, ela tem quatro filmes para estrear (‘Pan’, Kids in Love’, ‘London Fields’ e ‘Tulip Fever’) e um para gravar (‘Valerian and the City of a Thousand Planets’) e ela está gravando o filme de super-vilões ‘Esquadrão Suicida’, onde ela faz Magia.

18

Qual é a coisa mais divertida que você já fez na Austrália até agora?

A estréia foi muito divertida, foi bom conhecer todos os fãs. Mas eu não fiz mais nada. Eu literalmente estou aqui á um dia. Eu não tive tempo para diversão, infelizmente.

Você está nervosa sobre o mundo assistir o seu filme logo?

Sim. Eu realmente espero que todos gostem dele o quando eu gostei de filmá-lo. E você sabe, John tem uma base de fãs enorme e eu espero ter vivido todas as expectativas de ser Margo.

John disse que você a pessoa mais próxima de Margo que ele já conheceu. Como você se sente sobre isso?

Isso é ótimo. Estou muito feliz.

Você sente isso, como Margo, que as pessoas tendem a fazer uma imagem de você?

Esse é meu trabalho, eu era modelo, então eu acho que sim. Eu sou a garota de papel, você sabe. Pessoas podem pensar o que quiserem sobre mim e modelos não tem uma chance de falar sobre isso. Mas eu acho que todos temos isso, eu acho que todo mundo coloca idéias nos outros.

Em que maneira você está relacionada com Margo?

As brincadeiras, eu gosto de fazer isso também. O espírito de buscar aventura, viver pela experiência, esse tipo de coisa.

Qual das brincadeiras de Margo é a sua preferida e por que?

Envolver o carro com a fita. Eu achei esse incrível. Foi muito legal. Eu apenas gosto como ela foi para os detalhes em cada uma das brincadeiras e o quão criativa com as notas e as coisas. Eu realmente respeito a capacidade dela nas brincadeiras.

Você também se vê no Q?

Sim, completamente. Eu sinto que podemos nos relacionar com todos personagens em várias maneiras. Como Q, especialmente agora, eu planejo muito. Eu sei que vou estar fazendo até ano que vem então eu sei como é. Ele gosta de música. Eu também. Ele também gosta de vídeo games… tem muitas coisas. Também, ele é romântico igual a mim.

Como é ter Nat Wolff como seu Q?

Nat é um sonho para se trabalhar com e como ser humano em geral. Ele é um amigo querido e um ator maravilhoso. Eu realmente não posso esperar para ver mais dele. Eu realmente acho que ele vai ser um dos melhores. Foi muito bom. Eu não acho que poderia ter sido Margo sem ele.

Como é trabalhar com John Green?

É incrível. Eu amo John, ele é incrível…foi uma experiência louca assistir ‘A Culpa é das Estrelas’ e ouvir sobre ele como autor e poder trabalhar com ele. Ele é tão engraçado e inteligente e, honestamente, estar no set com ele é uma das coisas mais engraçadas.

O que te surpreendeu mais sobre fazer filmes?

Provavelmente ter que fazer turnê de imprensa.

Você não está exausta?

Sim, muito exausta. Eu ainda tenho muito mais então não posso realmente estar.

Modelagem te preparou de alguma forma para fazer filmes? Ou você acha que são mundos completamente diferentes?

É totalmente diferente. É completamente diferente.

Você rasparia suas sobrancelhas para um papel?

Eu não sei que tipo de papel requereria que eu removesse minhas sobrancelhas mas, sim, com certeza!

Se você realmente gostasse né?

Sim, se for o que eu tiver de fazer, eu faria. Eu faria qualquer coisa.

Nós sabemos que você é apaixonada pela atuação: O que mais você é apaixonada?

Vida. Amor. Música. O mundo.

Você vem escrevendo música desde criança, você toca bateria, você canta. Música é algo que você pretende prosseguir com?

Eu não estou prosseguindo com isso, é apenas uma parte da minha vida. Eu não tenho tempo para fazer mais nada no momento. Um dia, talvez.

Você já procurou seu nome no Google?

Não. Eu tento não fazer isso. Se algo acontecer, pessoas meio que me contam sobre. Eu não quero achar essas coisas.

Nós estamos ansiosos para descobrir mais sobre sua campanha com a Penshoppe.

Eu amo eles.

Todo mundo tem perguntado, isso significa que nós iremos te ver aqui um dia?

Ai meu Deus, eu espero que sim. Eu sempre quis ir para as Filipinas. Eu adoraria ir, com a Penshoppe ou não. Eu realmente gostaria de ir ai.

Nós entrevistamos Kendall sobre a campanha para a Penshoppe e nós falamos sobre você e ela disse que você é como uma irmã. Você pode nós falar um pouco sobre essa amizade com ela e sobre #CaKe?

Ela é meu amor, tipo, eu a amo tanto. E também, ao mesmo tempo, eu acho que sou dela porque ela também é muito mais madura do que eu na maior parte do tempo. Sim, eu amo aquela garota.

Sua página do IMDB é uma loucura, você tem tantos filmes para estrear. Qual deles você está mais animada?

Todos eles. Eu não vi a maioria. Provavelmente esse aqui mas agora está estreando então eu não tenho certeza, eu não sei. É uma pergunta bem difícil.

Como você relaxa?

Eu não sou boa em relaxar. Eu tomo um banho ou medito, tento fazer yoga, correr.

Qual tem sido o momento mais surreal para você?

Todos são estranhos. Eu não posso escolher um. Continua ficando cada vez mais estranho, eu realmente não posso escolher um. É tão difícil. É louco.

Você tem um papel dos sonhos?

Eu amaria fazer a primeira motorista feminina de Formula 1. Ou Gloria Steinem, eu adoraria ser ela.

Se eles te disserem, ok, amanha você tem um dia de folga, você pode fazer o que quiser, o que você faria?

Ficaria na cama e dormiria ou assistiria televisão. E iria a um SPA. Eu provavelmente correria pela Austrália, mas honestamente, o clima está horrível.

Pra onde você irá depois da Austrália?

Volto a filmar ‘Esquadrão Suicida’

Qual a coisa mais louca que um fã já fez para chamar sua atenção?

Eu acho todos malucos. Eles gritam, eles choram e eles tremem. Mas eu sou apenas um ser humano então isso me faz sentir estranha. Tudo que eu quero é sair para curtir e nós podemos conversar, mas todo mundo fica muito nervoso, eu não sei por que.

 

Fonte: Inquirer

Facebook
Instagram
This error message is only visible to WordPress admins

Error: No connected account.

Please go to the Instagram Feed settings page to connect an account.

Parceiros
  • Blake Lively Brasil